Pesquisar nesse blog

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Autocontrole saudável






O autocontrole saudável não reprime os sentimentos: lida diretamente com eles. Suportar uma dificuldade significa criar um espaço para si, libertar-se da ansiedade para esperar o momento certo de agir. 

Certamente lidamos com pessoas difíceis, mas quando pensarmos que precisamos de paciência para lidar com alguém, o melhor é distanciar-nos e criarmos um espaço entre nós e essa outra pessoa, para assim podermos recuperar nossa autonomia emocional. 

Isso não significa sermos covardes e submissos. Não se deve confundir autocontrole com a repressão de sentimentos, muitas vezes tolerando o que não é para ser tolerado. Em certas situações adversas, podemos pensar que estamos tendo paciência, quando na verdade estamos apenas nos sobrecarregando, suportando as pressões externas à custa de muito sofrimento interno. 

Paciência não deve ser confundida com tolerância extrema, nem estar vulnerável ou permissivo às condições externas. O autocontrole excessivo nega as nossas necessidades internas e faz nascer o rancor devido à raiva reprimida, à emoção contida e à falta de reação a uma provocação. Ser paciente não significa ser uma vítima passiva da desorganização alheia. 

Não é útil, por exemplo, ter paciência em uma situação em que se esteja sendo explorado. Quem nunca se confundiu achando que estava tendo paciência, quando na realidade estava "engolindo sapos"? 


Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Quem sou

Nascida em Belo Horizonte, apaixonada pela vida urbana, sou fascinada pelo meu tempo e pelo passado histórico, dois contrastes que exploro para entender o futuro. Tranquila com a vida e insatisfeita com as convenções, procuro conhecer gente e culturas, para trazer de uma viagem, além de fotos e recordações, o que aprendo durante a caminhada. E o que mais engradece um caminhante é saber que ao compartilhar seu conhecimento, possa tornar o mundo melhor.

Seguidores

Minha lista de blogs

Postagens populares