Pesquisar nesse blog

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Não viva do passado



A maioria dos nossos tormentos não vem de fora; estão alojados em nossa mente, cravados em nossa memória. Nossa sanidade ou insanidade se deve basicamente à maneira como nossas lembranças são assimiladas. "As pessoas procuram tratamento psicanalítico porque o modo como estão lembrando não as libera para esquecer"; frase do psicanalista Adam Phillips. Como é que não pensamos nisso antes?

O que nos impede de prosseguir é uma lembrança mal lembrada que nos acorrenta no passado, estanca o tempo e não permite avanço. A gente implora a Deus para que nos ajude a esquecer um amor, uma experiência ruim, uma frase que nos feriu, quando na verdade não é esquecer que precisamos: é lembrar corretamente. Aí sim, lembrando como se deve, a ânsia por esquecimento pode até ser dispensada, não precisamos esquecer de mais nada.

E, não precisando, vai ver que até esquecemos.
Ah, se tudo fosse assim tão simples. De qualquer maneira já é um alento entender as razões que nos deixam tão obssecados, tristes e inquietos: são as tais lembranças mal lembradas. Você era criança e ansiava por um presente de aniversário, mas seu pai viajou exatamente naquele dia que para você era especial.

Aquela amiga querida conhecia todos os seus segredos, mas roubou seu namorado. Você percebia que sua mãe preferia sua irmã mais nova e era fria e distante com você. E aquele amor que foi embora? Quanta mágoa, quanta decepção, quanto tempo investido... Passaram-se anos e você não esquece.


Essas situações viram lembranças e essas lembranças vão se infiltrando e ganhando forma, força e tamanho, e chega a um ponto que você nem sabe se elas reproduzem o fato ocorrido ou se evoluiram para algo completamente diferente da realidade. A percepção nunca é 100% confiável.

Na sua infância você superdimensionou a ausência de seu pai que foi emergencial, não proposital. Você nem gostava tanto daquele namorado que sua amiga surrupiou.
Sua mãe tratava as filhas de modo diferenciado porque cada filho é de um modo, cada um exige uma demanda de carinho e atenção diferente, e você entenderá isso quando tiver filhos.

E aquele cara perturba seu sono até hoje, porque você segue idealizando o sujeito, recusa-se a acreditar que o amor vem e passa. Tudo parecia tão perfeito, ele era o tal príncipe encantado. Ajuste o foco: o coitado foi apenas o ser humano que cruzou sua vida quando você estava num momento de carência extrema. Libere-o desta fatura.


São exemplos simplistas e inventados, mas Adam Philips parece que tem razão: as lembranças do passado precisam de eixo, correção de rota, dimensão exata, avaliação fria; pena que nada disso seja fácil. Costumamos lembrar com fúria, saudade, vergonha; lembramos com gosto pelo épico e pelo exagero. Sorte de quem lembra direito.

Somos responsáveis por nossa felicidade, porém muitas vezes não aceitamos este fato e colocamos sempre a culpa no outro, afinal é mais fácil. Não adianta culparmos ninguém quando a solução dos nossos problemas está em nós mesmos. Muitas vezes a solução está no passado, que alguns preferem esconder; outros ignorar e muitos remoê-los.


Por mais que o passado tenha deixado marcas, feridas eternas que ninguém nem mesmo o tempo possa curá-las, temos que aprender a conviver com elas e, principalmente, a superá-las. A dor foi grande? A cicatriz ainda é muito visível? Mas ainda estamos vivos; o tempo não pára e temos que acompanhá-lo, seguir em frente, com muito mais força e experiência para não nos machucarmos novamente. O segredo está em aprender com o passado e não se condenar a viver nele!

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Quem sou

Nascida em Belo Horizonte, apaixonada pela vida urbana, sou fascinada pelo meu tempo e pelo passado histórico, dois contrastes que exploro para entender o futuro. Tranquila com a vida e insatisfeita com as convenções, procuro conhecer gente e culturas, para trazer de uma viagem, além de fotos e recordações, o que aprendo durante a caminhada. E o que mais engradece um caminhante é saber que ao compartilhar seu conhecimento, possa tornar o mundo melhor.

Seguidores

Minha lista de blogs

Postagens populares