Pesquisar nesse blog

terça-feira, 11 de maio de 2010

As palavras tem poder




A linguagem dirige nossos pensamentos para direções especificas e, de alguma forma, ela nos ajuda a criar a nossa realidade, potencializando ou limitando as nossas possibilidades. A habilidade de usar a linguagem com precisão é essencial para uma boa comunicação.

1) Cuidado com a palavra “não".

  • A frase que contém "não", para ser compreendida traz à mente o que está junto com ela. O "não" existe apenas na linguagem e não na experiência. Por exemplo: pense em "não". Nada vem à sua mente. Mas se eu lhe pedir: - Não pense na cor vermelha, você com certeza pensará no vermelho e depois se esforçará em outras cores. Por isso, fale no positivo, diga o que você quer, afirme o seu desejo. Substitua a frase: "Não mexa no meu armário..." por "Você está proibido de mexer em meu armário".


2) Cuidado com a palavra “mas”, que nega tudo que vem antes. 

  • substitua por "e", porque dá idéia de acréscimo, principalmente quando se discute uma idéia ou opinião. Substitua a frase: "Você é muito esforçado mas não progride..." por "Você é muito esforçado e pode progredir..." 


3) Cuidado com a palavra “tentar”, que pressupõe a possibilidade de falha. Evite tentar, faça!
  • Substitua a frase: "Vou tentar encontrar com você " por "Tenho poucas chances de ir". 


4) Cuidado com “não” posso" ou “não consigo”, que dão idéia de incapacidade pessoal. 
  • Use "não podia" ou "não conseguia", que pressupõe que está se superando. Substitua a frase: "Eu não consigo economizar" por "Eu não conseguia economizar..."


5) Fale das mudanças desejadas para o futuro utilizando o tempo presente do verbo. 
  • Substitua: " vou conseguir um emprego " por "estou conseguindo um emprego".


6) Cuidado com as palavras “devo”, “tenho que” ou “preciso”, que pressupõem que algo externo controla a sua vida. 
  • Use "quero", "decido", "estou". Substitua a frase: "Eu preciso colocar minhas coisas em ordem" por "Quero colocar minhas coisas em ordem"; "decido colocar as coisas em ordem" 


7) Fale dos problemas ou das descrições negativas de si mesmo, utilizando o verbo no passado. Isto libera o presente. 
  • Substitua a frase: "Eu tenho dificuldade para ..." por "Eu tinha dificuldade para ..."


8) Ao usar o condicional, substitua o "se" por “quando”. 
  • Substitua: "Se eu conseguir ganhar dinheiro, vou viajar", por "Quando eu conseguir ganhar dinheiro, vou viajar".


9) "Esperar" suscita dúvidas e enfraquece a linguagem. 
  • Substitua por "Sei". Ao invés de dizer: " Eu espero aprender isso" diga "Eu sei que vou aprender isso".


10) O verbo no presente fica mais forte e mais concreto. 
  • substitua: "Eu gostaria de agradecer a você" por "Eu agradeço a você". 


Falar corretamente é muito importante. O que nos diferencia dos animais é o som ordenado que transmite a sabedoria, o conhecimento e a capacidade de comunicação. Enquanto estamos evoluindo como ser humano, precisamos ter em mente que aprender a falar corretamente, positivamente, claramente, sem gírias ou palavrões é um caminho para o controle de nossas faculdades, utilizando assim, um pouco daquela capacidade que desprezamos ao utilizarmos um décimo de nosso poder divino... 

Pessoas medíocres falam de outras pessoas;
Pessoas comuns falam sobre coisas;
Pessoas inteligentes falam sobre ideias...
Related Posts with Thumbnails

Quem sou

Nascida em Belo Horizonte, apaixonada pela vida urbana, sou fascinada pelo meu tempo e pelo passado histórico, dois contrastes que exploro para entender o futuro. Tranquila com a vida e insatisfeita com as convenções, procuro conhecer gente e culturas, para trazer de uma viagem, além de fotos e recordações, o que aprendo durante a caminhada. E o que mais engradece um caminhante é saber que ao compartilhar seu conhecimento, possa tornar o mundo melhor.

Seguidores

Minha lista de blogs

Postagens populares